Skip links

Hospital de Vila Verde instalou purificador de ar da Ocram

Aparelho instalado na entrada principal usa sistema que permite eliminar bactérias, vírus, fungos e compostos orgânicos em espaços fechados.

O Hospital da Santa Casa da Misericórdia de Vila Verde está a investir em purificadores do ar.
A primeira máquina do género foi instalada no hall da entrada principal. Depois de comprovada a sua eficácia, a administração do hospital pretende investir em mais equipamentos para colocar noutros espaços, principalmente salas de espera e corredores. Estes aparelhos usam o sistema NPS® CC portátil, que permite transformar espaços convencionais em áreas de isolamento. O sistema mantém a capacidade purificadora e desinfectante do ar no espaço hospi- talar, respondendo às exigências de controlo sanitário do ambiente interior sem ocupar muito espaço.

A combinação do fenómeno de fotocatálise, da acção germicida e da filtragem de elevada eficiência HEPA H14 é extremamente eficaz na eliminação de bactérias, vírus, fungos, compostos orgânicos voláteis (COVs) e de partículas, incluindo aerossóis. A filtragem HEPA H14 apresenta uma eficiência superior a 99,995 por cento na retenção de partículas até 0,3 mícron (uma milésima parte do milímetro).
O provedor da Santa Casa da Misericórdia de Vila Verde, Bento Morais adianta que este é um investimento “a pensar no bem-estar dos doentes e na sua saúde tal como da equipa. Este equipamento devidamente testado e com provas dadas, será mais um passo para tornar o nosso hospital um local seguro e com o ar purificado para que a mitigação do vírus seja irradiada. As pessoas têm que continuar a usar a máscara e a fazer a desinfecção das mãos mas este é mais um equipamento de apoio no combate à pandemia no nosso hospital”.
A unidade de saúde está a trabalhar em pleno e o laboratório está a fazer testes de detecção da Covid-19.

Leave a comment

Cookie consent by Real Cookie Banner